Dois em um

Profissionais da arquitetura e decoração dão as dicas de como harmonizar a área de serviço integrada à cozinha, tornando os espaços funcionais e organizados.

Parede de drywall separa a área de serviço da cozinha tornado os espaços mais organizados. Crédito Projetos Ágille Arquitetura

Com os apartamentos cada vez mais compactados, a integração da cozinha com a área de serviço é uma realidade. Porém muitas pessoas têm dúvidas de como decorar esses espaços integrados de maneira que não se torne uma grande bagunça.

Em apartamentos pequenos é comum a área de serviço ser interligada à cozinha. Para que os ambientes não se confundam e tenham suas independências funcionais é preciso um projeto arquitetônico bem planejado, que traga praticidade e organização para cada espaço.

De acordo com a designer de interiores Flaviane Pereira e a arquiteta Márcia Coimbra, proprietárias do escritório Ágille Arquitetura, algumas soluções são imprescindíveis para ajudar na otimização do espaço e personalização de cada ambiente. “Com um bom planejamento é possível encontrar soluções para montar e equipar os ambientes com armários bem projetados e que atendam às necessidades dos moradores. Isso permite que todos os cantinhos tenham o melhor aproveitamento possível, como a utilização de utensílios aramados, divisores ou móveis auxiliares que deixam o espaço funcional e trazem ao mesmo tempo organização e praticidade ao dia a dia. Uma bancada retrátil, nichos suspensos, móveis com rodízios, são alguns recursos utilizados em espaços compactos. Assim como armários aéreos, lavanderias e móveis embutidos, instalações de grades para pendurar acessórios ou prateleiras para guardar panelas, caixas organizadoras e varal. Itens que fazem toda a diferença na hora de otimizar os espaços”, indicam.

Funcional e organizada, a área de serviço proporciona fluidez e harmonia na hora das tarefas cotidianas

Para as profissionais, as paredes também precisam ter o seu destaque nessa organização, como uma horta vertical ou um porta-temperos, na cozinha. Já a área de serviço, quanto mais funcional e organizada, com certeza trará aos usuários uma sensação de fluidez e harmonia na hora das tarefas cotidianas.

Atualmente, a grande maioria das cozinhas é projetada pelas construtoras no estilo corredor e, assim, sua única fonte de iluminação natural é proveniente da área de serviço. Porém, apesar disso, é necessário que os ambientes se mantenham separados e, segundo as profissionais, uma ótima dica é optar por portas de correr de vidro incolor. “Elas ocupam pouco espaço e têm a função de bloquear odores da cozinha, sem perder nada de luminosidade da janela da área de serviço. Além de dar continuidade ao espaço sem bloqueio visual, o uso de adesivos também é permitido e, também, o vidro jateado, pra quem não quer ter visibilidade ou ocultar roupas e demais itens na área de serviço sem perder a luminosidade do espaço”, revelam.

Porcelanato colorido ajuda delimitar a área da cozinha deixando bem claro a distinção entre os dois espaços

Outra dica de Flaviane e Márcia são as divisórias com cobogós, elementos vazados e coloridos que ocupam pouco espaço e dão um ar de descontração aos dois ambientes, dividindo-os, sem confinar ou diminuir o espaço. Elas ressaltam que o primordial é dar funcionalidade aos ambientes, sem que haja interferência entre eles, porém com harmonia.

“O destaque de um planejamento para estes dois ambientes é que ele traga praticidade, que seja funcional ao projeto proposto e que, também, proporcione leveza ao espaço”, encerram.

Dia das Mães com beleza

Amelinha Amaro, proprietária da loja de decoração Divino Espaço, em São Paulo, dá sugestões de mesas para o almoço de Dia da Mães.

FOTO: ®Andre Conti

Domingo é o Dia das Mãe, e o almoço que a pessoa que mais amamos nesta vida, é sagrado. Toda ano eu, minha irmã, e nossas filhas – infelizmente agora a minha filha não comparece com tamanha regularidade, já que está morando fora –, nos reunimos na casa de nossa mãe para esta refeição.

Sempre cai próximo do aniversário das minhas sobrinhas gêmeas, que é dia 14 de maio, e por isso o dia das mães acaba sendo um misto de celebrações. Apesar de minha mãe estar com a cabecinha fora desse mundo, ainda reconhece os filhos – a mim, nem tanto, depois que emagreci 40 quilos –. É muito engraçado, conversando comigo ela fala de mim como se fosse outra pessoa. Deve achar que eu não vou mais visita-la, e sempre tenho que falar, sou eu mãe, eu sou a Isabela. E aí ela diz, “eu te amo muito”. No segundo seguinte, já não se lembra mais, e é engraçado, porque ela sabe que eu sou filha dela.

Enfim, o almoço do Dia das Mães é especial e fazemos questão de montar uma mesa bonita, sem nada demais, com as coisas que ela tem mesmo em casa, mas aquelas que guardamos “para quando tem visita”. Só isso já dá um clima de festa. Colocamos uma música e fazemos um menu especial.

Recebi um material muito legal da Divino Espaço, boutique reconhecida por ser uma loja referência em decoração, de São Paulo. Eles são craques, a proprietária, Amelinha Amaro, é experta na arte de receber e preparou algumas sugestões de mesas decoradas para nos inspirar para esta data tão bonita. São ideias cheias de charme para receber e surpreender as mães, sem muita complicação. Acho que vai aguçar a criatividade de todo mundo e ajudar na hora de preparar a mesa, usando as coisas que cada um tem em casa. Porque, sinceramente, a gente tem muita coisa e umas que usamos tão raramente. E como a mistura de estilos está em alta, use e abuse.

Com cores vivas e itens fáceis de serem encontrados, Amelinha incentiva o uso da criatividade e a colaboração de todos no momento de dar ideias. “O Dia das Mães é uma data muito bacana, pois reúne toda a família para homenagear um símbolo tão forte e de amor, a Mãe. Acho bacana combinar elementos, flores e itens diretamente ligados à personalidade de cada mãe, isso torna cada mesa algo único”, diz a decoradora. Verdade. Aproveite que hoje ainda é quinta-feira, dê uma olhada nos armários, pense o que vai fazer e compre as flores que vai presentear a mãe de acordo com o que quer usar, assim elas servirão para enfeitar a mesa. Vale aquela máxima “matar dois coelhos com uma cajadada só”.

Vejam as fotos de Andre Conti na galeria abaixo

Isabela Teixeira da Costa

Minimalismo

Para quem tem como resolução de ano novo levar uma vida mais minimalista, arquiteto Junior Piacesi mostra como trazer esta tendência para uma casa com decoração tradicional.

Casa tradicional foi integrada a área externa com painéis de vidro. Somente o essencial faz a decoração do espaço: fogão, mesa de jantar e cadeiras. Foto: Jomar Bragança​

Estamos chegando ao final de mais um ano, época em que as pessoas se propõem a algumas mudanças para começar o próximo ano de forma mais consciente e com um propósito. É nesse momento que o minimalismo, um estilo de viver e decorar, ganha ainda mais adeptos.

A arquitetura minimalista trabalha apenas com o que é estritamente necessário. Democrático, esse estilo pode ser utilizado por todos, dos mais humildes até os mais ricos.

O arquiteto Junior Piacesi, especialista em arquitetura minimalista, explica que o conceito está em voga. “O minimalismo se tornou um lifestyle, uma resposta do ser humano por todo o caos que carrega e vive: trânsito, poluição, informação o tempo todo, internet, tecnologia. O minimalismo, com seus espaços limpos e simples, é um verdadeiro antidoto a tudo isso tranquilizando e acalmando aqueles que têm oportunidade de desfrutá-lo”, explica.

Branco, cinza e integração dos ambientes. Foto: Gustavo Xavier

Trabalhando com ambientes integrados, cores neutras, principalmente o branco e cinza, o minimalismo tem características bem marcante, mas isso não impede que casas com arquitetura e decoração tradicionais possam ser transformadas para seguir esse estilo. “Para isso, a primeira coisa que temos que fazer é limpar aquele espaço. Se tiver segmentação dos ambientes, retirar as paredes e integrar. A partir dessa ação já criamos uma percepção de que a casa está mais limpa, mais ajustada, em uma proporção mais precisa”, explica Piacesi.

A opção é pela simplicidade, o uso literal dos materiais no minimalismo é muito bem-vindo e deve ser preservado. “Se no ato da reforma, ao descascar uma parede, tijolos aparecerem, ótimo! Ele será o grande destaque daquele projeto”, brinca o arquiteto.

A decoração é o momento mais difícil. “Pode até parecer algo simples, mas é nesse momento que precisamos ter o domínio estético para conseguir fazer um projeto com poucos elementos, mas bonito e capaz de emocionar os moradores. A premissa principal é ter uma ordem estética, na qual conseguimos enxergar um determinado espaço completamente puro. Dessa forma, trabalhamos somente com o essencial. Por exemplo, numa sala vamos precisar somente de uma mesa e sofá, ponto. Tudo a mais é desnecessário, por isso pode ser eliminado”, conta o arquiteto.

Dicas para encantar os convidados na noite de Natal

Que tal montar uma linda mesa para a ceia de Natal e encantar a família e os convidados? Veja as dicas para conseguir o efeito desejado.

Uma das noites mais especiais do ano está chegando e, junto, os preparativos que encantam a família inteira. Surpreender os convidados com pequenos detalhes é uma forma delicada que demonstra a alegria do anfitrião em receber. As elaboradas lembrancinhas com embalagens natalinas – que podem ser nas cores vermelho, dourada e verde – dão um toque para lá de especial.

Que tal começar a curtir as comemorações planejando dias antes a decoração da mesa? Mas nada impede de conseguir o efeito desejado usando coisas que você já tenha em sua casa. Aqui vão dicas da Cecilia Dale usando produtos de Natal da Lindt e outras dicas com itens mais “improvisados”. Toques simples e requintados deixam o espaço mais especial:

  1. Coloque um objeto de maior destaque no centro da mesa e, para compor, outros menores ao redor. Tudo o que integrar a mesa deve seguir a mesma linguagem e cores da árvore. Chocolates e presentes que seguem o tema são boas opções;
  2. Bowls com pinhas ou arranjos de flores são algumas lindas opções para o arranjo central da mesa. O panetone – presença marcante em toda mesa natalina – fica perfeito em cima de um suporte de bolo e arrematado por um laço.
  3. Cuidado para os arranjos não ficarem altos demais e atrapalharem a conversa e a troca de olhares entre os convidados. Procure optar por arranjo que dê um visual impactante à mesa, mas tenha uma altura equivalente aos copos de vinho e/ou água;
  4. Uma ideia original é usar um mini cordão de LED dentro de uma bomboniere de vidro, misturada a trufas ou bombons sofisticados, que garantem um toque especial e visual simples de ser feito;
  5. Alguns elementos, como a figura do Papai Noel, dão um tom descontraído à mesa. Chocolates neste formato ou ursos com embalagens douradas podem ser consumidos ao final da ceia, junto com a sobremesa;
  6. Jogos americanos em vez de toalhas são chiques e podem ser limpos e trocados a qualquer momento, sem precisar desmontar toda a decoração da mesa. Se quiser dar um toque especial, os sousplat são uma ótima solução.
  7. Entre familiares e amigos, no momento de se acomodarem na mesa, uma dica para deixá-los à vontade é ter um marcador de lugares. O objeto demarca o nome de cada convidado para o conforto de todos;
  8. Dar presentes a todos os convidados é sempre um impasse para o anfitrião. Mas, uma lembrancinha, como um chocolate em cima de cada prato, demonstra delicadeza e um cuidado todo especial com cada um deles.

Fotos Alan Simaro.

Tendências de decoração para o Natal 2017

Para quem deixou a decoração para a ultima hora, veja as tendências de decoração para o Natal 2017, segundo a especialista Cecilia Dale.

Por incrível que parece, só consegui montar minha árvore de Natal ontem de noite. Coisa rara, porque amo tanto o Natal que normalmente monto a decoração no final de novembro. Mas a correria deste não permitiu. Infelizmente, tive que fazer com tudo o que já tinha guardado, mas bem que gostaria de ter tido tempo de comprar uns adornos novos.

Se alguém está atrasado, como eu, veja as tendências de decoração que a especialista Cecília Dale apresenta para o Natal de 2017. Ela é uma craque e sugere cinco coleções: Gold, English Ivy, Forest Berries, Mickey Magic Xmas e Classic – que trazem diferentes estilos e muitas opções de enfeites, guirlandas, centros de mesas e árvores. Além disso, a marca traz novidades para complementar as tradicionais Vilas de Natal.

GOLD

 

Gold é uma coleção pensada para transmitir um clima de muita prosperidade e paz, com uma mistura de enfeites e ramos dourados ao cristal. O efeito é sofisticado e cheio de brilho e traz uma variedade de produtos de mesa posta, como louças e copos, para compor a decoração natalina.

ENGLISH IVY

 

 

English Ivy tem como inspiração a atmosfera mágica de um jardim inglês, com esquilos, passarinhos e outros pequenos habitantes que observam as crianças se divertindo à espera do Natal. O verde e vermelho se misturam ao marrom e bege dos galhos e dos animais, com um viés mais romântico e sofisticado, que traz a natureza em destaque para agradar crianças e adultos.

FOREST BERRIES

 

 

Forest Berries é uma coleção inspirada nas florestas de pinheiros do hemisfério norte, que brinca com a atração dos ursos pelas frutas silvestres típicas do Natal. Para isso, a marca aposta em uma decoração onde o vermelho é o protagonista, seja nas frutas ou nas roupas estampadas em xadrez dos ursos.

MICKEY MAGIC XMAS

 

Mickey Magic Xmas traz de volta o ratinho mais amado do mundo para compor a decoração de Natal, com enfeites, arranjos e guirlandas apaixonantes. Os bonecos do Mickey são misturados aos laços com estampa xadrez vermelho e verde, tudo para encantar crianças e adultos.

CLASSIC

 

Classic traz as cores do Natal tradicional – vermelho e dourado – em combinações surpreendentes. A atmosfera mágica de Natais passados revivida em guirlandas, arranjos, centros de mesa e enfeites de árvore deslumbrantes.

VILA DE NATAL

 

Vila de Natal resgata uma tradição das famílias alemãs e holandesas. São casinhas, árvores e brinquedos com movimento que retratam uma pequena cidade viva. Para aumentar o encantamento este ano, as já famosas minialdeias natalinas crescem com novos personagens e brinquedos animados com luz e som.

Poltrona

O designer Jader Almeida lança poltrona Celine em Belo Horizonte.

Poltrona Celine Foto Sollos

O catarinense Jader Almeida, um dos designers brasileiros mais respeitados do mundo, lançou na São Romão Móveis a poltrona Celine.O conceito da poltrona está baseado na ideia de braços abertos. A poltrona estabelece um relacionamento visual e tátil com as pessoas. Suas formas orgânicas são extraídas da madeira e são um ajuste natural para o corpo humano. O assento segue um projeto escultural, pois a estrutura de madeira funde suavemente com o estofado do assento.

Ao pensar em uma poltrona, muitas vezes, nos vem à imagem do uso primário que é o sentar. No entanto, nós pensamos também, nas funções subjetivas do produto – como se comunica com o seu entorno e com quem o observa” explica Jader Almeida.

A poltrona é elegante e com proporções perfeitas, foi apresentada oficialmente durante a Semana de Design de Milão e é produzida pela Sollos. “Crio peças não para protagonizar um espaço, mas para serem coadjuvantes. Meu design é fruto de um trabalho extremo de simplificação projetual e, ao mesmo tempo, do ponto de vista da produção, minhas peças são muito detalhadas”, diz Jader.

Paisagismo

O paisagista Luiz Carlos Orsini lança terceiro volume de livro com seus trabalhos de paisagismo, 19 de outubro, em Belo Horizonte.

O Esquina 117, no São Bento, abre suas portas para receber no dia 19 de outubro o lançamento do terceiro volume do livro “Orsini”, a partir das 19h30. A edição da Décor Books, traz 30 projetos assinados por Luiz Carlos Orsini para personalidades como Lucília Diniz, Marcelo Tostes, Salim Matar, Francisco de Castro; em projetos de arquitetos consagrados como Roberto Migotto, Elaine Pinheiro, Maria Helena Botrel, Myrna Porcaro, Gui Deucher, Luis Fernando Rocco, entre outros.

Em comum, poderão ser encontradas obras de extrema beleza e apuro técnico, onde a escolha cuidadosa de cada espécie está em perfeita harmonia com a região onde foi inserida por um dos mais importantes paisagistas brasileiros, que assina Inhotim com a mesma desenvoltura com que encanta os jardins, fazendas e haras de clientes em diversos estados do país.

Lançamento
Local: Esquina 117 – Av. Cônsul Antônio Cadar, 117 – Santa Lucia, Belo Horizonte
Data: 19/10/2017
Horário: 19h30

Luzes

As luzes se tornaram um item muito desejado na decoração de espaços e principalmente nos quartos. Viviane Schwartzhaupt, do blog  www.dcorevoce.com.br enviou dicas de como decorar com esse elemento.

“As luzes são um dos fatores mais primordiais de qualquer projeto de decoração, quando bem usadas conseguem mudar completamente a decoração de um ambiente. Além de ditar o clima que o ambiente vai se encontrar. Hoje, vamos mostrar alguns exemplos lindos para você que podem trazer a inspiração que procura”, diz Viviane.

Luzes com fotos

Veja só como a combinação de um lindo varal de fotos com luzes fica linda na cabeceira de sua cama e expõe as melhores lembranças de sua vida de uma forma muito criativa e além disso uma forma barata de decoração.

Céu de estrelas

Essa é uma ideia linda para você que sente uma sensação boa quando olha para um céu estrelado, o efeito luminoso fica ainda mais lindo se refletir em um piso feito em porcelanato.

Abajures sincronizados

O uso de abajures em uma sala com cores claras realça muito a cor dos móveis e deixa o ambiente ainda mais aconchegante e lindo.

Luzes na garrafa

É um estilo de artesanato que funciona muito bem, e você pode espalhá-las pela casa que vão agregar muito no ambiente.

Cozinha

Adesivo de azulejo hidráulico, pintar armários e colocar adornos são uma boa solução

É possível reformar e dar um up na sua cozinha sem quebra-quebra.

Com uma rotina agitada, a busca do consumidor por soluções que facilitem o dia a dia é cada vez maior, e na decoração não poderia ser diferente. A cozinha é um dos cômodos mais movimentados da casa e onde toda a família se reúne. Além disso, com a tendência de ambientes integrados, como sala e cozinha sem paredes, a dica é sempre deixar este cômodo mais moderno e bonito para receber os amigos.

Dicas para repaginar a cozinha sem quebra-quebra

  1. Pinte as paredes: uma opção para transformar a cozinha é alterar a cor das paredes. Ao escolher as tonalidades, opte pelas mais vibrantes, pois estimulam a conversa e integração, além de animar o ambiente.  Se o morador prefere uma decoração mais conservadora, pode escolher uma das paredes do cômodo para aplicar a cor vibrante, como Papoula ou Vermelho-amor, e harmonizá-la com um tom neutro, Allure ou Areia do Deserto, por exemplo. Existe tinta própria para azulejos como a Suvinil Banheiros e Cozinhas. Além de mais fácil e econômica, a pintura nos azulejos evita quebrar as paredes, dando um ar de sofisticação ao ambiente de forma rápida e eficiente sem prejudicar a rotina dos moradores.
  2. Mude objetos de decoração: outra opção rápida e econômica para renovar a cozinha é pintar os móveis: armários, cadeiras ou mesas. Essas mudanças deixam o cômodo colorido e com muita personalidade. Para os mais discretos, a dica é pintar apenas a parte interna do armário, dando um toque especial ao ambiente.
  3. Parede funcional: tendência que vem crescendo e cada vez mais na decoração. A dica é produzir uma parede lousa e usá-la para escrever receitas e listas de compras, deixar um recado para um membro da família, ou mesmo desenhar.
  4. Plotar a geladeira: se a geladeira está precisando de uma melhorada na aparência, em vez de gastar muito mandando repintar, escolha uma cor ou imagem que goste mais e faça um plotagem. O plástico adesivo é rápido e fácil de aplicar.
  5. Existem adesivos imitando ladrilho hidráulico que pode ser pregado em alguns pontos, sobre o azulejo. Outra opção substituindo a pintura.
  6. Adornos: é possível mudar ou colocar alguns adornos utilitários que colorem e enfeitam o ambiente e podem ser usados para guardar temperos, mantimentos etc.

Isabela Teixeira da Costa

Milão

Presença dos insetos chamaram a atenção
Presença dos insetos chamaram a atenção

Arquitetos e decoradores contam quais as grandes novidades de Milão.

Reconhecida mundialmente como a maior feira de design mobiliário, o Isaloni, que foi realizada no início do mês em Milão, na Itália, dita a tendência do setor. O que vai ser usado em cores, tecnologia, design e iluminação pode ser visto por lá.

O arquiteto Junior Piacesi ressalta a criatividade das instalações que encantaram os visitantes dentro e fora dos salões principais. Em espaços como escolas e fábricas abandonadas, o mobiliário moderno e requintado dava um novo uso aos ambientes, criando contrastes com o local. Em outros bairros da cidade, o que dava o tom das exposições foi uma mistura do bom gosto, simplicidade e sofisticação. “Um dos destaques é a MOOOI, que apresentou muitos insetos em suas composições e estampas nos tapetes, valorizando o natural. Uma instalação que também chamou a atenção foi a Missoni Casa, que inaugurou um novo espaço no bairro Brera e oferece ao cliente a possibilidade de levar a estampa feita na hora, como gravura”, cita.

Instalações em estilo industrial e a presença dos insetos e estampas florais chamaram a atenção do arquiteto Júnior Piacesi
Instalações em estilo industrial

Ainda dentro da tendência natural, as designers Linda Martins e Cris Araújo destacaram a gama de expositores que usaram o tema para compor os seus ambientes. “A natureza é uma fonte inesgotável de inspiração e nesse ano estava presente nos espaços das marcas mais importantes de design da Itália. Além da MOOOI, várias imagens de animais estamparam cadeiras (como a Embroidery Chair lançada pela Cappellini e bordada com um tigre); luminárias (como as peças da Seletti em forma de macacos e ratos) e, também, a grande utilização de prints florais em tapetes e em superfícies”, relata Linda Martins.

Junior Piacesi aponta também como destaque, os pufes New York, design do arquiteto Jean-Marie Massaud: “Eles servem como apoio para os pés, como um complemento para sofá ou um elemento independente. É versátil e possui vários modelos, podendo ser inseridos em casa ou hotéis, por exemplo. Eles são costurados à mão e muito refinados”, conta.

O arquiteto exalta ainda a apresentação da B&B Italia que apresentou novas propostas para as áreas de estar e, uma nova configuração da cozinha. “São sofás, mesas, cadeiras, camas e outras peças que foram desenhadas por inúmeros designers e que possuem em seu DNA a elegância e um toque preciso de cor. Destaque para a cozinha em PVD de bronze, com armários suspensos vazados, que permite uma maior interação da cozinha com a sala de estar ou área externa”, ressalta.

AnimalA designer de interiores Rosane Guedes, listou as principais tendências que chamaram sua atenção. “A mistura de materiais como madeira e pedra; madeira e elementos metálicos; pedras ou vidros com elementos metálicos. Destaque para as formas arredondadas dos móveis. Com relação às cores, o dourado continua em alta, assim como os tons de verde.”, revela.

Cris Araújo e Linda Martins destacam as cores: “O uso do azul índigo como destaque ou o laranja e suas variações em tons terrosos, que apareceu em vários momentos, volta forte este ano. O cinza segue em alta como o cimento queimado que vai do quarto à sala, passando pelos banheiros. O estilo escandinavo também vem como tendência em 2017”, afirmam.

A dupla aponta o recorrente uso de veludo nos estofados e mármore nas paredes e nos móveis, além da tecnologia dominando a parte de iluminação com leds e luminárias em movimento.