Tendências de decoração para o Natal 2017

Para quem deixou a decoração para a ultima hora, veja as tendências de decoração para o Natal 2017, segundo a especialista Cecilia Dale.

Por incrível que parece, só consegui montar minha árvore de Natal ontem de noite. Coisa rara, porque amo tanto o Natal que normalmente monto a decoração no final de novembro. Mas a correria deste não permitiu. Infelizmente, tive que fazer com tudo o que já tinha guardado, mas bem que gostaria de ter tido tempo de comprar uns adornos novos.

Se alguém está atrasado, como eu, veja as tendências de decoração que a especialista Cecília Dale apresenta para o Natal de 2017. Ela é uma craque e sugere cinco coleções: Gold, English Ivy, Forest Berries, Mickey Magic Xmas e Classic – que trazem diferentes estilos e muitas opções de enfeites, guirlandas, centros de mesas e árvores. Além disso, a marca traz novidades para complementar as tradicionais Vilas de Natal.

GOLD

 

Gold é uma coleção pensada para transmitir um clima de muita prosperidade e paz, com uma mistura de enfeites e ramos dourados ao cristal. O efeito é sofisticado e cheio de brilho e traz uma variedade de produtos de mesa posta, como louças e copos, para compor a decoração natalina.

ENGLISH IVY

 

 

English Ivy tem como inspiração a atmosfera mágica de um jardim inglês, com esquilos, passarinhos e outros pequenos habitantes que observam as crianças se divertindo à espera do Natal. O verde e vermelho se misturam ao marrom e bege dos galhos e dos animais, com um viés mais romântico e sofisticado, que traz a natureza em destaque para agradar crianças e adultos.

FOREST BERRIES

 

 

Forest Berries é uma coleção inspirada nas florestas de pinheiros do hemisfério norte, que brinca com a atração dos ursos pelas frutas silvestres típicas do Natal. Para isso, a marca aposta em uma decoração onde o vermelho é o protagonista, seja nas frutas ou nas roupas estampadas em xadrez dos ursos.

MICKEY MAGIC XMAS

 

Mickey Magic Xmas traz de volta o ratinho mais amado do mundo para compor a decoração de Natal, com enfeites, arranjos e guirlandas apaixonantes. Os bonecos do Mickey são misturados aos laços com estampa xadrez vermelho e verde, tudo para encantar crianças e adultos.

CLASSIC

 

Classic traz as cores do Natal tradicional – vermelho e dourado – em combinações surpreendentes. A atmosfera mágica de Natais passados revivida em guirlandas, arranjos, centros de mesa e enfeites de árvore deslumbrantes.

VILA DE NATAL

 

Vila de Natal resgata uma tradição das famílias alemãs e holandesas. São casinhas, árvores e brinquedos com movimento que retratam uma pequena cidade viva. Para aumentar o encantamento este ano, as já famosas minialdeias natalinas crescem com novos personagens e brinquedos animados com luz e som.

Festa de Natal para os pequenos

A Jornada Solidária Estado de Minas faz festa de Natal amanhã, 25 de novembro, para as crianças das creches beneficiadas.

Um mês antes do Natal mais de 600 crianças de 4 e 5 anos vão poder abraçar o Papai Noel. Isso mesmo, o Natal vai chegar mais cedo para os pequenos das 11 creches beneficiadas pelo programa de responsabilidade social dos Diários Associados em Minas.

Durante todo o ano as ações da Jornada Solidária Estado de Minas são voltadas para a sociedade com o objetivo de arrecadar verbas para executar as reformas nas creches comunitárias assistidas pelo programa, e equipar as instituições.

Mas quando chega o final do ano, a festa é para as crianças. O Luminis Urban Play cede o espaço, decora com balões e parte dos voluntários. Os outros 70 voluntários são da Jornada Solidária, e o grupo é formado por leitores e funcionários do Estado de Minas e este ano terá um grupo de escoteiros.

Vários personagens infantis fazem questão de comparecer para alegrar as crianças como as princesas Cinderela, Frozen, Bela Adormecida, Bela (da Bela e a Fera), Tiana, Branca de Neve e Rapunzel. Os super-heróis também largam um pouco a função de salvar o mundo para brincar com os pequenos: Batman, Homem Aranha, Super Homem e Ben 10. Kiko, Chiquinha e palhaços completam o time.

O ponto alto da festa é a chegada do Papai Noel. As crianças largam tudo para ver de perto o bom velhinho, que faz questão de abraçar cada um deles. O lanche é farto e delicioso e na saída ganham brigadeiro, presente e picolé.

Para que tudo corra bem tem um time de parceiros ajudando. O Hospital Mater Dei manda uma ambulância com equipe médica que fica de plantão durante toda a festa. A padaria Pedro Padeiro, o Epa Plus, ZCM Conservadora, Company Events, Café com Bombons. Todo o patrocínio é do Instituto MRV.

Vejam algumas fotos do ano passado.

Natal tempo de amor

presepio21Natal é tempo de celebração, salvação e reconciliação. Natal é amor.

Por que o mundo inteiro para no dia 25 de dezembro? Por que existe um feriado mundial? Você pode não saber, alguém pode ter esquecido, outros podem fazer questão de não lembrar, porém, um fato ocorreu há milhares de anos que mudou o mundo e é comemorado nesta data: nasceu Jesus Cristo, o Filho de Deus.

Você crê nisso? Ótimo! Não? Que pena, mas nada vai mudar, o Natal continuará sendo comemorado, o nascimento de Jesus será celebrado mesmo que milhares de pessoas tentem esconder o verdadeiro motivo do Natal. A história não tem como ser apagada. O nosso calendário não pode ser destruído.

Vivemos no ano de 2016 d.C, ou seja, depois de Cristo. É assim que a história foi marcada antes de depois de sua vinda. Ninguém pode negar. E ele veio para mostrar o grande amor de Deus por nós. A vinda de Jesus ao mundo, como homem, foi um recado direto de seu Pai para nós afirmando seu amor por nós e dizendo que está conosco em todo o tempo.

Muito antes de Jesus nascer, 900 anos antes, para ser mais específica, o profeta Isaias escreveu sobre seu nascimento. Está em Isaias 9:6 “Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz.”

Jesus veio para nos trazer a salvação, salvação de nossos pecados que nos afastou de Deus. Em João 3:16 diz “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito para que todo aquele que nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna”. Foi um ato de extremo amor de Deus por nós, para que nos reconciliássemos com ele, depois da salvação.

Reconciliados com Deus, teremos paz com ele. E a paz de Deus invadirá nossos corações, e assim, poderemos ter paz com nosso próximo. Por isso, Natal também é tempo de reconciliação com as outras pessoas. Então, se você está brigado com alguém, não há melhor época do ano para selar a paz, liberando o perdão. Lembre que perdão é atitude e não sentimento. E guardar mágoa e rancor só faz mal a nós mesmos.

No Natal ganhamos o maior de todos os presentes, que foi Jesus, que tal darmos aos outros o grande presente que é perdão e amor?

E mais ainda, darmos a nós mesmos o maior de todos os presentes, que é chamar Jesus para morar em nosso coração?

Desejo a todos um Feliz Natal cheio das bênçãos de Deus, com muito amor, paz, celebração e reconciliação com Deus e o próximo.

Isabela Teixeira da Costa

Dica de um bom programa natalino

img_1693Quem gosta de programa de Natal não pode deixar de fazer o Circuito de Presépios de Santa Luzia.

Para quem gosta de Natal e de ver coisas bonitas e nostálgicas não pode deixar de incluir entre os passeios da programação natalina, uma chegadinha na cidade de Santa Luzia, há 25 km de Belo Horizonte, para conhecer os seus presépios.

Isso mesmo, os presépios, no plural. Há 10 anos, moradores da cidade deram início a uma linda tradição, o circuito de presépios. São 32 famílias que montam presépios em suas casas e têm o maior prazer em receber as pessoas que chegam a qualquer hora para conhecê-los.

Se você está pensando no singelo e pequeno presépio representado por Maria, José e o menino Jesus na manjedoura, os três reis magos e alguns poucos pastores e animais, com certeza vai se surpreender.

presj8As pessoas desmontam suas casas e transformam a sala em uma encenação do nascimento de Cristo. E a cada ano acrescentam mais um pouco, mais um pouco e com o tempo fica cada vez mais cheio e mais lindo, rico em detalhes e diversidade.

Não existe limite de tamanho e nem tão pouco de concepção e criatividade. Alguns são mais luxuosos, outros mais rústicos. Alguns representam o mundo todo, com um cenário representando todas as nações. Outros optaram por trazer todos os animais, de forma bem exótica, como aranhas, cobras, jacarés, enfim, bichos que ninguém nunca imaginou que estariam entre os visitantes de Jesus na estrebaria.

Existe uma senhora que é expert em fazer os tecidos com cacos de vidro de todas as cores. Eles são a base dos presépios para representarem rochas, terra, areia e até mesmo rio, lagos e céu. Porém, algumas das famílias que montam a representação do nascimento de Cristo optaram por colocar fontes e lagos de verdade.

Para quem não sabe, segundo fontes históricas, o primeiro presépio foi montado em argila, na floresta de Greccio, região do Lácio, na Itália, por São Francisco de Assis, no Natal de 1223. Ele queria, de forma simples, explicar às pessoas mais simples o significado e como foi o nascimento de Jesus Cristo. No século XVIII, a tradição de montar o presépio, dentro das casas das famílias, se popularizou pela Europa e, logo em seguida, por outras regiões do mundo.

Santa Luzia tem mais de 300 anos e todas as casas sempre fizeram questão de ter, ao lado da árvore de Natal, um presépio. Como sempre foram muito elogiados, há 10 anos decidiram abrir as casas para visitação publica, até o dia 6 de janeiro, dia de Reis.

O historiador e museólogo Marco Aurélio Fonseca é um dos principais guias do circuito de presépios da cidade histórica. Atende a todos que o procuram com muita alegria, educação e boa vontade, e tem vários roteiros, desde o completo com os 32 presépios, passando por um médio e o curto.

O mais lindo é a alegria dos anfitriões das casas. Em cada uma que entramos eles nos oferecem bala, pirulito, bolo, bombom. Nunca vi tanta gentileza. E é com tanto prazer que a gente fica até sem graça de recusar.

Quem ainda não foi, vale muito a pena, e é tão pertinho de BH, que o passeio fica muito agradável. Fica a dica.

Isabela Teixeira da Costa

Salvar

Ceia de Natal

Nada como pratos gostosos e descomplicados para uma Ceia de Natal diferente. Hoje, dou duas sugestões que recebi. Um prato quente e uma sobremesa. Quem sabe você anima?

Bacalhau: prático e gostoso para Ceia de Natal

Não é bom deixar nada para última hora. Aposte em receitas com ingredientes tradicionais, mas que também sejam de fácil preparo, pois isto facilitará sua vida na cozinha e te dará mais tempo para curtir o feriado e a família. O Escondidinho de Bacalhau é uma receita que agrada a todo mundo e não exige muito tempo na cozinha.

Confira a receita do Bar e Restaurante, Quintal da Dê, de Uberlândia (MG).

escondidinho-de-bacalhau-1Escondidinho de Bacalhau

Ingredientes: (porção para 04 pessoas)

600g de massa de mandioca
200g de bacalhau
200g de requeijão
225g de muçarela
1 colher de sopa de manteiga
Sal
Leite
1 Tomate picadinho
Cebola a gosto
Azeitona preta a gosto

Modo de Preparo:

Purê de Mandioca (massa)

Cozinhe a mandioca. Ponha no liquidificador e bata com a manteiga, uma pitada de sal e o leite até atingir o ponto. Despeje na panela em fogo médio e mexa até soltar a massa do fundo da panela.

Bacalhau:

Desfie o bacalhau já dessalgado e acrescente as azeitonas pretas, o tomate picadinho e a cebola.

Montagem:

Forre a forma com uma camada de massa de mandioca. Em seguida, coloque o bacalhau desfiado com as azeitonas, tomate e cebola. Acrescente requeijão por cima. Cubra com restante da massa de mandioca, colocando a muçarela por cima. Finalize levando ao forno para gratinar.  Sirva o prato com arroz branco.

Verrine Natalina

A chef Andressa Schmidt, do Centro Europeu, uma das principais escolas de gastronomia do país, preparou uma receita especial para as festas de fim de ano: uma Verrine Natalina. Ótima sugestão para quem gosta de preparar sua ceia.

verrineIngredientes:
Creme

3 gemas
250g de açúcar
600g de cream cheese light
3 claras em neve
30ml vinho Marsala

Rabanada

395g de leite condensado
240ml de leite
Essência de baunilha a gosto
1 panetone
3 ovos bem batidos
Óleo para fritar

Acabamento

300g de damascos
300g de nozes pecan
500g de chocolate fracionado meio amargo
Cerejas em calda com cabo
Folhas frescas de hortelã

Modo de preparo:

Creme
Bater as gemas com o açúcar até obter uma mistura fofa e clara. Acrescentar o cream cheese e bater até obter uma mistura uniforme. Misturar delicadamente as claras em neve. Gelar até ficar firme.

Rabanada
Misture o leite condensado, o leite e a essência de baunilha. Mergulhe as fatias de panetone e escorra o excesso com a ajuda de um garfo. Passe as fatias na mistura de ovos e frite em óleo quente. Reserve

 

Montagem:

Em uma taça de sorvete coloque uma fatia da rabanada, ponha um pouco de noz pecan picada. Cubra com o creme. Sobre o creme polvilhe o chocolate meio amargo e decore com folhas de hortelã, um pedacinho de damasco e coloque uma cereja em calda por cima. Sirva gelado.

Salvar

Salvar

Época de celebrar

Casa Fiat de Cultura 2015
Casa Fiat de Cultura 2015

Fim de ano, chegada do Natal e começam também as celebrações.

Para quem gosta da data tem um prato cheio de ótima programação para usufruir curtindo o espírito natalino. Eu amo Natal e não ligo muito para Réveillon, já disse aqui, várias vezes. Amo assistir a cantatas, passear pela cidade vendo as decorações, assisto todos os filmes de Natal, até os mais antigos e repetidos. Então passo aqui as programações que já recebi, para os animados como eu.

A primeira é o concerto de Natal que o Colégio Sagrado Coração de Jesus realiza amanhã, dia 30 de novembro, às 20h, com a apresentação dos corais Sagrado em Canto e Cantus Cordis, na tradicional capela da escola. O Coral e Orquestra Cantus Cordis é composto por músicos graduados com ampla experiência em orquestras e reconhecido desempenho artístico nacional e internacional em suas especialidades musicais. Já o coral Sagrado em Canto é formado por alunos do Ensino Fundamental I, que prometem encantar o público. A entrada é gratuita. O Colégio Sagrado Coração de Jesus fica na Rua Prof Moraes, esquina de Av. Getúlio Vargas,

Musical de Natal de 2015 IBC-BH
Musical de Natal de 2015 IBC-BH

No mesmo dia, a Casa Fiat de Cultura inaugura o seu Presépio, em tamanho natural, com curadoria e supervisão do artista plástico Leo Piló. Às 19hs, terá um bate-papo com o artista, dobre o processo de criação e construção do presépio. A Casa Fiat fica na Praça da Liberdade, 10.

O presépio tem curadoria de Leo Piló, é em tamanho natural, feito com alumínio e materiais reutilizados, é foi construído coletivamente pelos visitantes da Casa Fiat de Cultura em ateliês abertos, entre os dias 8 e 25 de novembro. O objetivo é criar uma tradição depois do sucesso do presépio do ano passado.

O artista destaca a importância de manter um costume tão tradicional quanto o presépio nos dias de hoje. A história contada pelo presépio é maravilhosa, fala da esperança do novo, de se renovar, e da chegada de uma nova pessoa que pode transformar o mundo para melhor. É uma mensagem muito poderosa.

Os personagens que irão compor a cena são Maria, José, Menino Jesus, três Reis Magos, o pastor com suas ovelhas e o Galo, como o símbolo cristão que anuncia as boas novas. A versatilidade do alumínio permite, ainda, a criação de animais menores, como galinhas e pássaros, que podem conter detalhes nas penas e plumas. Todos os personagens têm estrutura feita em papelão, seguida por vestes e acabamentos confeccionados em alumínio.

A iluminação da Praça da Liberdade, que há anos é assinada por Cláudia Travesso, da Futuro, já está sendo instalada, mas ainda não foi marcada a data da inauguração. Com certeza será mais um programa, junto com a avenida Barbacena.

No dia 18 de dezembro, a Igreja Batista Central de Belo Horizonte apresenta o seu Musical de Natal, que já é tradicional e esperado por todos. A produção é de nível profissional, apesar de ser amador. A procura é tão grande de pessoas querendo assistir, que já são vários dias de apresentação. Dia 18 às 10h, 17h e 20h, e dias 19, 20 e 21 às 20hs. Este ano o tema é “O Bilhete de Ouro”. A IBC fica na Rua Luiz Soares da Rocha, 37, Luxemburgo.

Isabela Teixeira da Costa

Missão cumprida: Natal

geralOlhinhos brilhando e sorriso no rosto não têm preço.

Ontem, mais de 500 crianças de creches comunitárias de Belo Horizonte tiveram uma festa de Natal prá lá de especial. Falo isso sem nenhuma modéstia, e tem muitos voluntários para comprovarem o que estou dizendo. Fechamos o ano da Jornada Solidária com chave de ouro.

Todos os anos a Jornada Solidária Estado de Minas promove uma grande Festa de Natal para as crianças das creches beneficiadas. Até dois anos atrás iam os pequenos acima de 2 anos de idade, porém, a PBH estabeleceu uma norma que apenas alunos de 4 e 5 anos podem sair das creches com autorização dos pais. Isso significa que a responsabilidade é dividida. Se as creches quiserem levar os menores podem, porém, a responsabilidade será totalmente da creche. Se por acaso, algo ocorrer com algum dos pequenos, a creche, e só ela, será responsabilizada. Com isso, ninguém se arrisca.

Diante dessa norma, a festa que seria para quase 2 mil crianças, foi para 600. Procuramos fazer sempre aos sábados, mas este ano foi aos domingos e alguns pais, infelizmente, não pensam na felicidade dos filhos e preferem não ter que acordar cedo para leva-los na creche, então, teve uma quebra. A Creche Santa Maria Madalena, que é beneficiada pela Jornada, há três anos consecutivos não compare à festa. (Não consigo entender o motivo) Alega que as professoras não aceitam trabalhar fora do dia para acompanhar as crianças. Engraçado, é a única que age assim.

Temos voluntários que se vestem de personagens infantis: Batman, Super-Homem, Mulher Maravilha, Bem 10, Kiko, Chiquinha, Cinderela, Bela, Branca de Neve, Bela Adormecida, Sininho, Palhacinha. E as crianças acreditam que são eles mesmos.

O local da festa não poderia ser melhor: Luminis Urban Play. Tem de tudo ali. Boliche, totó, Air game, Snowboard, Autorama, maquina de dança, posto de gasolina, carrossel, área baby, gira-gira, jogo de carrinho, área de aventura com escalada, ponte de corda, tirolesa. E tem um brinquedo de 5 metros de altura que chama Arena Zupa. Dentro dele tem futebol, piscina de bolinha, cama elástica, tobogã, túnel, escorregador de espiral e mais um tanto de coisas. E ainda salão de beleza e camarim e área para tatuagem.

Quando as crianças entram, é como se chegassem ao mundo encantado da Disney. Ficam loucos. Damos lanche o tempo todo. Cachorro quente, pão de queijo, coxinha, refrigerante, pipoca, água, brigadeiro.

Na hora que o Papai Noel chega é uma festa a parte. Todos saem dos brinquedos e querem ver o bom velhinho que faz questão de abraçar cada uma das crianças. Na saída, todos ganham um presente, um picolé e vão embora chorando porque queriam ficar mais. Alguns chegam a esconder, para não ir embora.

Tudo isso é feito com muita segurança. Todo o tempo uma ambulância e uma equipe do Hospital Mater Dei, com um pediatra, fica dentro da festa, a postos para qualquer eventualidade. A festa conta com o patrocínio do Instituto MRV e com a parceria do Epa Plus, da Padaria Pedro Padeiro, da ZCM Conservadora e do Luminis Urban Play que cede o espaço para a Jornada.

Este ano, tivemos como voluntários um grupo de alunos do Colégio Loyola, um grupo da ONG Youth Experience, e mais algumas amigas da Juliana Machado do Cenôra Bolos. Além do nosso grupo fiel de voluntários. O meu agradecimento especial a todos, do fundo do coração!!

Depois farei aqui uma galeria de fotos!

Isabela Teixeira da Costa

Clima de Natal

Natal by Casa Futuro / Foto Divulgação
Natal by Casa Futuro / Foto Divulgação

O ano está acabando e com ele chega o clima de Natal e todas as suas luzes e cores.

Ontem, feriado, nos damos ao luxo de ficar em casa. Com essa chuvinha então, que delícia, pude curtir mais tempo a cama. Dormir até tarde não rola, meu relógio biológico é infalível, mas fiquei debaixo das cobertas assistindo TV – sou telemaníaca – os jornais e zapeando.

Entre as diversas matérias uma delas foi sobre as decorações de Natal que já estão por todo lado, sugestões de pratos para ceia de Natal. Tudo que eu amo. Para quem não sabe ainda, amo o Natal e não ligo a mínima para Réveillon. Acredito que muito por ser o dia que Jesus nasceu, momento de reunião familiar, pela decoração especial, e nem tanto pela troca de presentes.

Foto Estado de Minas reprodução
Foto Estado de Minas reprodução

Por sinal, os presentes já foram abolidos da minha família há alguns anos. Só damos presentes para nossa mãe, cada um para seus filhos e todos nós para as crianças da família. Agora já são cinco. Antes era uma multidão, todo mundo dando para todos. Depois decidimos fazer amigo-oculto entre os maiores de 18 anos, porém até isso decidimos abolir depois de um tempo. Ficou melhor, menos comercial.

Uma de minhas funções no jornal é o trabalho com creches comunitárias. Anualmente fazemos uma grande festa de Natal onde reunimos todas as crianças de 4 e 5 anos das creches beneficiadas pela Jornada Solidária Estado de Minas. É lindo. Elas brincam a manhã toda, voluntários se vestem de personagens infantis, tem a chegada do Papai Noel, lanche, entrega de presentes.

Foto Estado de Minas reprodução
Foto Estado de Minas reprodução

Antes da festa, visitamos as creches e falamos da festa. E pergunto para as crianças o que é o Natal. Fico indignada porque nenhum deles responde que é o nascimento de Jesus. E aí vou contando que o Natal é aniversário de Jesus, filho de Deus, que veio aqui para morrer por nós, para nos salvar. É tão importante isso. Comemorar o nascimento do maior presente de Deus, pelo grande amor que tem por nós, nos deu, seu único filho, Jesus. Não podemos esquecer disso. Esse é o motivo de celebrar o Natal, o resto é perfumaria.

Amo a cidade quando as pessoas decoram suas casas do lado externo. Saio de carro passeando, admirando cada fachada e “viajando” da minha imaginação. Vou na Praça da Liberdade, na Avenida Barbacena que são magistralmente decoradas. Cláudia Travesso, da Futuro é quem assina há anos e se supera sempre.

Por sinal, a loja dela, na Rua Rio de Janeiro, em Lourdes está um escândalo de linda, toda iluminada. Aproveitei a folga e já decorei minha casa. Tenho que confessar duas coisas: depois que os natais passaram a ser comemorados no sítio desanimei um pouco de arrumar minha casa, e sou frustrada porque nunca soube pendurar luzinhas na minha varanda de forma que ficasse bonito. Não sei como as pessoas fazem. Pergunto e ninguém que conta o segredo. Com durex não é porque chove e ele mela inteiro. Fita crepe aparece. Mistério!!!

Bem-vindo Natal, bem-vindo fim de ano.

Isabela Teixeira da Costa